Mariana Andrade, 19 years, Brazil, Rio de Janeiro♥

THEME BY ©
+

when the alarm rings in the morning

imortal-julieta:

before ‘shake it off’


image

after ‘shake it off’
imageimage

when the alarm rings in the morning

before ‘shake it off’


after ‘shake it off’

Tenho medo de terminar sozinho. Tenho medo de ser sempre amigo, irmão e confidente, mas nunca o ‘tudo’ de alguém.
Tati Bernardi.   (via vestigiar)

We both know I could rip you to shreds and do my nails at the same time.

Capitu comentou que meus sonhos não eram tão bonitos quanto os dela, fui obrigado a concordar, mas retruquei, sem pensar, que era tão bonitos quanto a pessoa que sonhava.
Machado de Assis.   (via expurgar)
A moça levanta e segue em frente. Não por ser forte, e sim pelo contrário: Por saber que é fraca o bastante para não conseguir ter ódio no seu coração, na sua alma, na sua essência. E ama, sabendo que vai chorar muitas vezes ainda. Afinal, foi chorando que ela, você e todos os outros, vieram ao mundo.
Dom Casmurro. 
(via julgando)
Todas as cartas de amor são ridículas. Não seriam cartas de amor se não fossem ridículas. Também escrevi em meu tempo cartas de amor, como as outras, ridículas. As cartas de amor, se há amor, têm de ser ridículas. Mas, afinal, só as criaturas que nunca escreveram cartas de amor é que são ridículas. Quem me dera no tempo em que escrevia sem dar por isso cartas de amor ridículas. A verdade é que hoje as minhas memórias dessas cartas de amor é que são ridículas. (Todas as palavras esdrúxulas, como os sentimentos esdrúxulos, são naturalmente ridículas.)
Fernando Pessoa.   (via julgando)
Ando me distanciando e nem sei ao certo o que acontece. Já não sinto vontade de falar com muita gente. O bom é que muitos não percebem, assim eu não preciso perder tempo tentando explicar as razões pelas quais venho querendo fugir. Essas coisas são muito cansativas. Aliás, a maioria das coisas que envolvem pessoas são cansativas.
Sean Wilhelm.  (via julgando)